• Redação Portal Povo

Fim de uma era? Semifinal da Champions fica sem Cristiano Ronaldo e Messi após 14 anos

Eliminados da atual edição, craques ainda voltam a ficar fora juntos da artilharia pela primeira vez desde 2006/07, quando Kaká foi o goleador máximo




Além de ser definida em jogos únicos em uma só sede a partir das quartas de final, a atual edição da Liga dos Campeões da Europa caminha para sua fase semifinal de uma maneira diferente do que todos se acostumaram a ver nos últimos anos. Protagonistas durante mais de uma década, Cristiano Ronaldo e Messi deram adeus ao torneio como completos coadjuvantes.


É a primeira semifinal desde 2006/07 que não conta com pelo menos um dos dois craques. Em 2005/06, o Barcelona foi até a final, mas sem Messi entrar em campo a partir das quartas. O argentino esteve em oito semis desde então, vencendo a competição em três oportunidades. Cristiano, com cinco conquistas, esteve ao todo em 11 - três pelo Manchester United e oito pelo Real Madrid.


Desta vez, Cristiano Ronaldo parou nas oitavas ao ser eliminado com a Juventus pelo Lyon, e Messi caiu nas quartas após o atropelo do Bayern de Munique por 8 a 2 sobre o Barcelona. O time alemão é um dos três garantidos na próxima fase, ao lado de PSG e RB Leipzig. O Lyon disputa a última vaga com o Manchester City neste sábado, às 16h (horário de Brasília).


Veja as semifinais desde 2005/06:

  • 2005/06 - Barcelona x Milan / Arsenal x Villarreal


  • 2006/07 - Milan x Manchester United (CRISTIANO RONALDO) / Liverpool x Chelsea


  • 2007/08 - Manchester United (CRISTIANO RONALDO) x Barcelona (MESSI) / Chelsea x Liverpool


  • 2008/09 - Barcelona (MESSI) x Chelsea / Manchester United (CRISTIANO RONALDO) x Arsenal


  • 2009/10 - Internazionale x Barcelona (MESSI) / Bayern de Munique x Lyon


  • 2010/11 - Barcelona (MESSI) x Real Madrid (CRISTIANO RONALDO) / Manchester United x Schalke 04


  • 2011/12 - Chelsea x Barcelona (MESSI) / Bayern de Munique x Real Madrid (CRISTIANO RONALDO)


  • 2012/13 - Bayern de Munique x Barcelona (MESSI) / Borussia Dortmund x Real Madrid (CRISTIANO RONALDO)


  • 2013/14 - Real Madrid (CRISTIANO RONALDO) x Bayern de Munique / Atlético de Madrid x Chelsea


  • 2014/15 - Barcelona (MESSI) x Bayern de Munique / Juventus x Real Madrid (CRISTIANO RONALDO)


  • 2015/16 - Real Madrid (CRISTIANO RONALDO) x Manchester City / Atlético de Madrid x Bayern de Munique


  • 2016/17 - Real Madrid (CRISTIANO RONALDO) x Atlético de Madrid / Juventus x Monaco


  • 2017/18 - Real Madrid (CRISTIANO RONALDO) x Bayern de Munique / Liverpool x Roma


  • 2018/19 - Liverpool x Barcelona (MESSI) / Tottenham x Ajax


  • 2019/20 - PSG x RB Leipzig / Bayern de Munique x Manchester City ou Lyon



Messi durante Barcelona 2 x 8 Bayern de Munique — Foto: Manu Fernandez/Reuters


Fora da artilharia após 12 anos de domínio

Outro lugar antes dominado por Messi e Cristiano Ronaldo e que não contará com nenhum dos dois em 2019/20 é o topo da artilharia da Champions. Com sete do português e seis do argentino - terminaram empatados entre si e com Neymar em 2014/15 -, pelo menos um deles sempre terminou como goleador máximo desde 2007/08.


O último diferente havia sido Kaká, na temporada em que foi campeão com o Milan e levou a Bola de Ouro. Desta vez, Lewandowski está disparado com sete gols a mais que o melhor colocado que ainda pode ultrapassar - seu companheiro de time Gnabry.

  • 2006/07 - Kaká (Milan) - 10


  • 2007/08 - Cristiano Ronaldo (Manchester United) - 8


  • 2008/09 - Messi (Barcelona) - 9


  • 2009/10 - Messi (Barcelona) - 8


  • 2010/11 - Messi (Barcelona) - 12


  • 2011/12 - Messi (Barcelona) - 14


  • 2012/13 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid) - 12


  • 2013/14 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid) - 17


  • 2014/15 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid), Messi (Barcelona) e Neymar (Barcelona) - 10


  • 2015/16 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid) - 16


  • 2016/17 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid) - 12


  • 2017/18 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid) - 15


  • 2018/19 - Messi (Barcelona) - 12


  • 2019/20 - Lewandowski (Bayern de Munique) - 14


Cristiano Ronaldo deixou a competição com quatro gols, e Messi com três

Cristiano Ronaldo caiu com a Juventus diante do Lyon — Foto: Massimo Pinca/Reuters


FONTE: G1