• Redação Portal Povo

Com gol relâmpago e dois de Roger, Ponte Preta vence o Londrina em Campinas

Vitória começou aos trinta segundos em pênalti polêmico, que Cajá cobrou e marcou. Os outros dois gols foram de Roger. Léo Passos descontou para o Londrina

A vitória da Ponte Preta sobre o Londrina começou a ser escrita com apenas trinta segundos de jogo no Majestoso, em Campinas. Na primeira jogada dentro da área, o árbitro apitou um pênalti do zagueiro Lucas Costa em Roger, que foi bastante questionado, mas acabou com a bola nas redes em cobrança de Renato Cajá. O Londrina deu sinal de que faria jogo de igual para igual quando empatou com Léo Passos, mas Roger estava chamando gol. Fez o segundo da Macaca ainda no primeiro tempo e completou o placar no segundo tempo. A partida ainda ficou marcada pelo grande número de cartões amarelos no segundo tempo, sete ao todo, com quatro para a Ponte e três para o Londrina.

Como fica?


Com o resultado, a Ponte Preta vai para a nona posição com 38 pontos. O Londrina fica estacionado na 15ª colocação, com 31 pontos, dois a mais que o Vila Nova, que abre a zona de rebaixamento.


Primeiro tempo


Gols e cartões definem o primeiro tempo do jogo, quando a partida já mudou de placar aos trinta segundos, em pênalti bastante discutido sobre Roger. O árbitro viu o zagueiro do Londrina Lucas Costa segurar ele dentro da área e apitou. Renato Cajá mandou para as redes. A resposta do Londrina veio aos 22 minutos com Léo Passos, mas a Ponte voltou a ficar na frente com Roger, em belo gol aos 30 minutos. O restante do primeiro tempo pode ser resumido em cartões amarelos, sete ao todo, com quatro para a Ponte e três para o Londrina.


Segundo tempo


Não foram tantos cartões, mas teve gol do Roger aos 33 minutos, que definiu o placar e a superioridade da Ponte Preta sobre o Londrina. Antes do gol, o jogo foi de controle da Macaca, que não criou muitas jogadas de perigo, mas também não se abriu demais para que houvesse risco de tomar o empate. O único momento de maior risco contou com uma defesaça do goleiro Yogr Vinhas, que fez duas defesas em seguida. A primeira em uma bomba de fora da área de André Moritz. O rebote sobrou no pé de Léo Passos, que emendou o chute forte, mas com o goleirão preparado para manter o placar como estava.

Próximos jogos


A Ponte Preta volta a campo na próxima sexta-feira, em partida contra o CRB, no Brinco de Ouro, às 21h30. O Londrina também joga em casa, no Estádio do Café, contra o Operário-PR. A partida é no sábado, às 16h30.







Fonte: