• Redação Portal Povo

Acidente deixa três mortos da mesma família na BR-369 entre Cambará e Andirá

Carros bateram de frente durante uma tentativa de ultrapassagem.

Um grave acidente entre dois carros deixou três pessoas mortas e duas com ferimentos graves na noite desta sexta-feira (20) no KM 28 da BR-369 no trecho que liga Cambará a Andirá, no Norte Pioneiro do Paraná.


Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF) o acidente envolveu uma caminhonete Ford Ranger, com placas de Curitiba, e um Tiggo, com placas de São Paulo. Segundo a polícia, o Tiggo vinha no sentido Andirá quando tentou uma ultrapassagem e acabou batendo de frente com a caminhonete, que vinha no sentido oposto.

O local onde o acidente aconteceu é um trecho de faixa contínua, portanto, com ultrapassagem proibida.


Todas as vítimas fatais estavam no Tiggo e eram da mesma família. Uma mulher que viajava no banco de trás morreu no local. Além dela, morreram o condutor do carro e um terceiro passageiro, que chegou a ser socorrido pelo Siate, mas entrou em óbito no Hospital de Cambará.


Uma criança que também estava no veículo ficou em estado grave e foi levada inicialmente ao Hospital de Bandeirantes, mas precisou ser transferida com urgência para o Hospital Infantil de Londrina. Conforme a última atualização, apesar de estável, a situação de saúde da criança inspira cuidados e apresentou pouca evolução.

O motorista da caminhonete envolvida na batida também teve ferimentos graves e foi encaminhado fora de risco ao pronto atendimento de Bandeirantes, sem risco de morte.


Várias equipes de socorro foram mobilizadas para atender o acidente. Equipes da Econorte, o Samu de Andirá, Cambará e Jataizinho foram deslocados para o local da batida. A pista ficou parcialmente interditada durante o atendimento.

MOTORISTA PRESO


No momento em que as equipes atendiam o acidente, o motorista de um carro que passava pelo local, atingiu os cones de sinalização na rodovia. Ele ainda passou pela área de isolamento e seguiu viajem, mas retornou momentos depois.


Segundo a polícia, ele estava visivelmente embriagado e recebeu voz de prisão por infringir a lei seca. O homem foi levado à delegacia e o carro recolhido.



Fonte: